Sindicato sofre nova condenação

0

Não bastasse a multa no valor de R$ 414 mil referente a paralisação de 2012, o Sindpen sofre nova condenação. Dessa vez, o valor é de R$ 48.992,29 e foi pago ao ex-funcionário Adriano de Sousa Ludovico.

Após ser demitido do Sistema Penitenciário por força de decisão judicial, Ludovico – que ocupava o cargo de tesoureiro do sindicato – foi contratado para exercer a função de assistente jurídico pela gestão anterior, passando a fazer parte do quadro de funcionários desta entidade classista.

Assim que recebeu a rescisão trabalhista no valor de R$ 17.500,01, calculada pelo próprio contador da antiga diretoria, Ludovico colocou o sindicato na Justiça. Ao todo, os valores da rescisão e o da condenação totalizaram R$ 66.492,30.

Frente a isso, em nome da transparência que sempre regeu os atos dessa direção, o Sindicato dos Policiais Penais do Distrito Federal vem a público prestar contas de que já cumpriu a determinação judicial e efetuou o depósito no dia 6 de julho. Clique e veja o comprovante. 

Infelizmente, o Sindpen ainda pena sob o reflexo da gestão passada, mas não nos deixamos abater e seguimos firmes em nossa luta, na torcida de que um dia isso possa acabar.

Luta que segue!

 

Paulo Rogério
Presidente do Sinden-DF

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Faça seu comentário, deixe sua impressão. Essa inteiração é muito importante para nós!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta instituição.

EnglishPortugueseSpanish
Skip to content